top of page

Pe. Vicente André: Uma Vida de Devoção e Missão - Retratando a Jornada de um Sacerdote Inspirador


Pe. Vicente André, C.SS.R.

Biografia de Pe. Vicente André


Vicente André veio ao mundo em Monte Carmelo (MG) no dia 2 de outubro de 1956, como o filho mais novo de uma família de 11 irmãos, nascendo dos pais João André de Oliveira e Maria Ricarda de Jesus. A sua jornada espiritual teve início em 12 de fevereiro de 1973, quando ingressou no Seminário Santo Afonso em Aparecida (SP) para cursar o Ensino Médio. Posteriormente, em Lorena (SP), dedicou-se aos estudos de Filosofia, Psicologia e História na Faculdade Salesiana. O ano de 1979 o viu vivenciar o Noviciado em São João da Boa Vista (SP) e celebrar a Profissão dos Votos Religiosos em 2 de fevereiro de 1980. Seus estudos teológicos foram realizados no ITESP, em São Paulo (SP). O dia 31 de julho de 1983 marcou a sua ordenação como diácono na capela-mor do Seminário Santo Afonso, em Aparecida (SP), juntamente com os colegas de curso, incluindo o Pe. Ferdinando Mancílio e o Pe. Inácio de Medeiros.


Ordenação e Missão


Em 14 de janeiro de 1984, Pe. Vicente André foi ordenado sacerdote, iniciando sua vida missionária na Vice-Província de Goiás como vigário cooperador. Em 1985, assumiu a responsabilidade de pároco na Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, onde permaneceu até 1987.


Em fevereiro de 1988, sua jornada o levou a Brasília (DF), onde serviu como superior da comunidade e diretor do Centro de Pastoral Popular (CPP) durante seis anos.

Em fevereiro de 1994, mudou-se para Trindade (GO), onde atuou como vigário paroquial. Em 1995, foi nomeado reitor e administrador do Santuário do Divino Pai Eterno, cargo que desempenhou até 2002, período no qual concluiu a construção do santuário e coordenou a edificação da praça adjacente.


Em maio de 2002, Pe. Vicente André foi designado para trabalhar na pastoral e atendimento dos devotos da Mãe Aparecida, sendo transferido para a Comunidade do Santuário Nacional, em Aparecida (SP).


Entre 2004 e 2007, assumiu a função de diretor da Academia Marial e participou de dois Congressos internacionais em preparação para a V Conferência de Aparecida, realizados no Santuário de Guadalupe, no México, e no Santuário de Nossa Senhora de Lourdes, na França. Durante sua permanência no Santuário de Aparecida, ele foi o fundador da Equipe de Acolhida.

Em janeiro de 2009, Pe. Vicente foi transferido para o Seminário Santa Teresinha, em Tietê (SP), onde atuou como superior da comunidade e reitor da Igreja durante seis anos. Durante sua carreira religiosa, Pe. Vicente André também se destacou como autor de várias obras publicadas pelas editoras redentoristas, como "Conhecendo o Santuário do Divino Pai Eterno" (1999), pela Gráfica e Editora Redentorista em Goiânia (GO), e pela Editora Santuário em Aparecida (SP), incluindo "Acolhida - Como Formar Comunidades Acolhedoras" (2004), "Segredo de Viver" (2005) e "Discípulos e Missionários com a Mãe Aparecida" (2007).


Em janeiro de 2015, assumiu a função de pároco na Paróquia de Santo Afonso, na região do Campo Grande, em Campinas (SP), onde permaneceu por três anos.


Em fevereiro de 2018, Pe. Vicente André mudou-se para a Comunidade de Araraquara (SP), onde colaborou na pastoral da Igreja de Santa Cruz até o final do ano seguinte.


Entre 2020 e 2021, ele atuou na Província de Porto Alegre (RS), trabalhando na pastoral do Santuário Mãe de Deus, em Lages (SC).


A partir de 2022, Pe. Vicente André passou a exercer suas atividades missionárias na Província de Minas, Rio e Espírito Santo, residindo e servindo na Basílica de São Geraldo, em Curvelo (MG).

No ano de 2023, enfrentou uma grave pneumonia e enfisema pulmonar, o que o levou a ser internado em 31 de maio. Recebeu alta hospitalar em 15 de junho e foi transferido para a Comunidade de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no bairro do Jardim Paulistano, em São Paulo (SP), para avaliações médicas contínuas e cuidados médicos. Iniciou uma terapia respiratória no início de julho, fazendo uso de um aparelho de oxigênio. No entanto, em 18 de julho, ele enfrentou uma crise respiratória com baixa saturação ao longo da noite, o que exigiu a intervenção do SAMU para sua transferência ao Hospital Samaritano, no bairro Higienópolis, na cidade de São Paulo (SP). Após exames clínicos, ele foi entubado e sedado para preservar as vias aéreas e iniciar um novo tratamento médico.

Padre Vicente André fez sua páscoa definitiva na madrugada desta terça-feira (26/09/23), em São Paulo. Ele veio a falecer no Hospital Samaritano, no bairro de Higienópolis. Sua vida de dedicação e serviço à comunidade deixará um legado inestimável para todos aqueles que tiveram a honra de conhecê-lo e serem tocados por sua missão religiosa. Que sua memória continue a inspirar e iluminar o caminho daqueles que seguem sua trajetória de fé e devoção.


(Fonte: Secretaria da Província Redentorista de São Paulo)

42 visualizações0 comentário

Opmerkingen


bottom of page