Basílica de São Geraldo

Site desenvolvido usando tecnologia Wix

Todos os direitos reservados.

  • YouTube
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - White Circle

Memória agradecida: 100 anos de construção da Basílica

26/01/2018

 

 

 

Assim como 2017, 2018 será um ano muito especial para a comunidade Redentorista de Curvelo. No ano passado, comemoramos a Centésima edição da Oitava de São Geraldo; neste ano comemoraremos cem anos de construção da Basílica de São Geraldo. Para celebrar este jubileu, contaremos até o mês de março  um pouco sobre a história deste importante templo que abriga tão preciosa devoção e expressão de fé de milhares de romeiros, devotos e devotas de São Geraldo, de todo o Brasil.


Usaremos o texto do livro “Curvelo do Padre Corvelo” escrito pelo missionário Redentorista, Pe. Alberto Vieira de Araújo, C.Ss.R., como base para essa narrativa. O livro teve como fonte as Crônicas do convento. 


CHEGAM OS PADRES
“Foi no dia 18 de setembro de 1906, pelas 11h30, pelo expresso da “Central do Brasil”, procedentes de Sete Lagoas, chegariam os Padres Redentoristas holandeses, para, aqui, fundarem um Convento. Curvelo, cidadezinha do interior (com 4.000 habitantes) estava em peso na Estação Central.”
“A nova fundação ficaria sob proteção de São Geraldo, com dois anos apenas de canonizado pelo Papa Pio X... ...Todos os atos religiosos eram feitos na Igrejinha do Rosário. Um mês apenas depois de chegados, os padres programaram uma Solene Novena Pública, de 6 a 15 de outubro, em preparação para fest do novo Padroeiro. No dia 16, dia da Festa de S. Geraldo, houve a benção de sua pequena imagem que percorreria em andor as ruas da cidade na sua primeira procissão. O povo participou em massa, com grande devoção.”


RECOLHEM FUNDOS PARA 
CONSTRUÇÃO DO CONVENTO 
“De 1906 a 1912 os Padres Redentoristas trabalharam intensamente, na cidade e nas capelas rurais da paróquia. Nas Missões Populares, dentro e fora da Arquidiocese de Diamantina, e também pregam retiros espirituais. Mas sobretudo, recolhem fundos para adiquirirem a área necessária: um quarteiraão inteiro com cerca de 5.000m2 para a construção do templo monumental e do convento já planejado pelo Irmão Werenfrido Vogels.”


A história continua nas próximas edições. Acompanhe! 
 

Compartilhe no Facebook
Please reload

Últimas notícias

31/10/2019

Please reload