Basílica de São Geraldo

Site desenvolvido usando tecnologia Wix

Todos os direitos reservados.

  • YouTube
  • Instagram - White Circle
  • Facebook - White Circle

Jubileu de Platina

06/02/2017

 

O ano de 2017 começa com muitos motivos para agradecer a Deus e também para celebrar. Dentre eles, a comemoração do Jubileu de Platina do Pe. Mário Ferreira Gonçalves, C.SS.R., tem destaque nesta edição do Informativo A Caminho com São Geraldo.


Nascido em Belo Horizonte, em um berço de tradição católica, Padre Mário Ferreira Gonçalves, C.Ss.R., completou 75 anos de Profissão Religiosa no dia 02 de fevereiro e completará 70 anos de Ordenação Presbiteral no dia 20 de julho deste ano. Toda sua vida reflete entrega e dedicação à causa missionária. Passou sua infância em Belo Horizonte, frequentando a Paróquia São José, no centro, fundada pelos Redentoristas. Ali foi batizado, crismado e por fim, consagrado a Deus quando aderiu à vida religiosa. Na São José foi também coroinha, mesmo pertencendo a outra paróquia, acordava cedo todos os dias para servir na missa das 6h da manhã.

 

Teve como referência para o despertar de sua vocação seu tio Guy Afonso, que foi seminarista redentorista permanecendo até o noviciado. Seu tio o incentivou, assim como toda a sua família, e assim, deu início a sua caminhada vocacional no Seminário Menor Redentorista em Congonhas.

 

Sua Profissão Religiosa aconteceu no dia 02 de fevereiro  de 1942. Fez os votos juntamente com seus colegas os padres José Jacques Penido, C.SS.R., e Raymundo de Almeida Pinto, C.SS.R. Em 20 de julho de 1947, foi ordenado sacerdote na igreja são José em Belo Horizonte, um dia após as comemorações do Santíssimo Redentor.


Em 1949, trabalhou nas Missões e assim teve seu primeiro contato com Curvelo (MG), onde passou a residir no Santuário de São Geraldo em 1954.  Tornou-se Missionário Redentorista, na companhia dos padres holandeses Alfredo Huiygens e Xavier. Fez história ao permitir a entrada de mulheres no convento, em 1969, o que até então era proibido. A presença feminina conferiu desde então um ar de modernidade e leveza ao ambiente. 


A partir de 1974, assumiu a Coordenação Geral da Liga Católica Jesus, Maria, José, na Igreja da Glória, em Juiz de Fora (MG), realizando um extenso trabalho de reestruturação. Com a transferência da sede da Confederação Nacional das Ligas Católicas para Campos dos Goytacazes (RJ), permaneceu naquela cidade até outubro de 2001, retornando em seguida para Curvelo. Padre Mário carrega consigo uma candura peculiar, aliada a um tratamento doce para com todos que o procuram para uma palavra amiga. Da mesma forma, reservou alguns minutos para conversar com o “A Caminho com São Geraldo” sobre sua trajetória.


 “A Caminho com São Geraldo” - Como se sente chegando aos 91 anos, com boa saúde física e mental?

Padre Mário Ferreira Gonçalves - Estou nas mãos de Deus. Por isso vou vivendo com naturalidade, agradecido com a saúde que Ele me concede mental e física.


- Quais fatores o senhor acredita que colaboraram para que chegasse a esta idade firme e forte?
- Vivendo uma vida desde seminarista menor, sempre me dedicando à ginástica, durante as andanças nos diversos passeios que eram proporcionados, principalmente nas férias. Acredito que até mesmo exagerava.


- Como lidar com as limitações naturais com o avançar da idade? - Aceitar com naturalidade e contar com os remédios que a Dra. Marília Matoso me manda tomar (risos).
- Como é passar grande parte da vida em comunidade, como Missionário Redentorista? - Para falar a verdade, é como o estudante jesuíta do século XVII, Beckmann, dizia: entre as vantagens naturais e de fraternidade, não é fácil por causa das diferenças de idade e costumes.


- Como ter uma convivência gostosa e agradável com os padres mais jovens, apesar das diferenças que podem existir de uma geração para outra? 
- Convivendo com naturalidade, como fomos vivendo pelos anos de seminarista e pelos anos a fora.


- Que mensagem o senhor deixa para os leitores do informativo A Caminho com São Geraldo? 
- Oxalá a leitura destes dados desprentenciosos de minha vida possa suscitar novas vocações para os Missionários Redentoristas, não só em Curvelo, mas também nas demais casas redentoristas.

 .
 

Compartilhe no Facebook
Please reload

Últimas notícias

10/12/2019

04/12/2019

Please reload